COMITIVA DA CSB DISCUTE REFORMAS COM DEPUTADOS E REPRESENTANTES DE MINISTÉRIOS

Comitiva da CSB discute reformas com deputados e representantes de ministérios

Grupo é formado por lideranças e dirigentes de entidades sindicais de Minas Gerais

Esta quarta-feira (19), último dia da caravana mineira da CSB em Brasília, foi marcada por visitas em gabinetes de deputados e em ministérios para debater os prejuízos das reformas trabalhista (PL 6787/16) e da Previdência (PEC 287/2016). Desde segunda-feira (17) na capital federal, o grupo já participou de audiência pública, manifestação e panfletagem.

Aos representantes das pastas e aos congressistas, a comitiva entregou cartilha das reformas e material de convocação para a greve geral do dia 28 deste mês. Na lista de deputados abordados estão José Guimarães (PT-CE), Orlando Silva (PCdoB-SP), Alice Portugal (PCdoB-BA), Ademir Camilo (PTN-MG), Brunny (PR-MG), Carlos Melles (DEM-MG), Diego Andrade (PSD-MG), Júlio Delgado (PSB-MG), Leonardo Monteiro (PT-MG), Margarida Salomão (PT-MG), Patrus Ananias (PT-MG) e Tenente Lúcio (PSB-MG), entre outros.

As lideranças também fizeram panfletagem em frente à Câmara dos Deputados e discurso em carro de som na Esplanada dos Ministérios.

À noite, os dirigentes irão novamente à Câmara para acompanhar a segunda tentativa de aprovar o requerimento de urgência para o projeto de lei da reforma trabalhista.

O grupo é formado por representantes sindicais de cidades como Águas Formosas, Arceburgo, Belmiro Braga, Carandaí, Cruzília, Governador Valadares, Itabirito, Juatuba, Juiz de Fora, Lavras, Manhuaçu, Nepomuceno, Nova Serrana, Oliveira, Passa Tempo, São João Nepomuceno, Teófilo Otoni e Varginha.

Veja a galeria de fotos das ações da comitiva em Brasília

Compartilhe:
  • Print
  • email
  • PDF
  • RSS
  • Add to favorites
  • Facebook
  • del.icio.us
  • Digg
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • MSN Reporter
  • Live
  • Yahoo! Buzz

Post to Twitter

Esta entrada foi publicada em Política. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *