Categoria: Sindical

UNIFICADO, MOVIMENTO SINDICAL DE PRESIDENTE PRUDENTE CONQUISTA MAIS DE 7 MIL ASSINATURAS CONTRA REFORMA

Entrega do abaixo-assinado foi feita às centrais durante o ato de 1º de maio, no Vale do Anhangabaú, em São Paulo Representantes do movimento sindical de Presidente Prudente, cidade a 558 km da capital paulista, aproveitaram o ato de 1º de maio, em comemoração ao dia do trabalhador, realizado de forma unitária pelas centrais sindicais no Vale do Anhangabaú,

DESEMPREGO SOBE PARA 12,7% EM MARÇO E ATINGE 13,4 MILHÕES DE BRASILEIROS

Segundo o IBGE, número de subutilizados atingiu o recorde de 28,3 milhões de pessoas A taxa de desemprego no Brasil subiu para 12,7% no trimestre encerrado em março, atingindo 13,4 milhões de pessoas, segundo dados divulgados nesta terça-feira (30) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Trata-se da maior taxa de desemprego desde o

EM JUIZ DE FORA, ATO DO 1º DE MAIO SERÁ UNIFICADO PELAS CENTRAIS

Um grande ato de protesto será organizado pelas centrais sindicais e entidades ligadas aos movimentos sociais da região. Diretores do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Juiz de Fora (Sinserpu JF), da Feserp MG , CSB e CSPB se reuniram hoje (29), pela manhã, na sede do sindicato para dar início aos preparativos desta atividade

FÓRUM DISTRITAL CONTRA REFORMA DA PREVIDÊNCIA CONCLAMA SOCIEDADE EM DEFESA DA APOSENTADORIA

Vice-presidente Flavio Werneck representou a CSB durante lançamento da iniciativa, que aconteceu na Câmara Legislativa do Distrito Federal A Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB), representada pelo seu vice-presidente Flavio Werneck, participou na noite desta quarta-feira (24) do lançamento do Fórum Distrital contra a reforma da Previdência, no auditório da Câmara Legislativa do Distrito Federal. Entidades

“OS BRASILEIROS PRECISAM RESISTIR”, DIZ REPRESENTANTE CHILENA SOBRE A REFORMA DA PREVIDÊNCIA

Projeto de capitalização do ministro da Economia, Paulo Guedes, é baseado na experiência fracassada feita Chile durante governo Pinochet O sistema de capitalização presente na reforma da Previdência foi elaborado pelo ministro da Economia Paulo Guedes, com base na experiência chilena, implantada há quase 39 anos pelo ditador Augusto Pinochet. Como acontece atualmente no Brasil,

BRASIL FECHA 43 MIL EMPREGOS COM CARTEIRA E TEM PIOR MARÇO DESDE 2017

O mercado de trabalho brasileiro registrou a perda de 43.196 vagas com carteira assinada em março, conforme o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado pelo Ministério da Economia. O saldo é resultado de 1.261.177 admissões e de 1.304.373 desligamentos. Os dados estão sem ajuste — ou seja, não consideram informações entregues pelas empresas

Sindicatos de Presidente Prudente se mobilizam contra a reforma da Previdência Participantes do manifesto iniciaram o recolhimento de assinaturas de pessoas que não concordam com as alterações propostas pelo governo federal. Sindicatos de Presidente Prudente iniciaram na manhã desta segunda-feira (22) uma mobilização contra a reforma da Previdência. O objetivo, de acordo com lideranças sindicais locais, é recolher assinaturas para um abaixo-assinado que será entregue ao Congresso Nacional pedindo a não aprovação das mudanças propostas pelo governo federal. O grupo se concentrou na Praça Nove de Julho, no Centro da cidade, e abordava pessoas para aderirem ao movimento contra a reforma. A manifestação é organizada pelo Conselho Intersindical de Presidente Prudente, que reúne 20 sindicatos. Milton Ribeiro Sobral, de 58 anos, presidente do conselho, diz que a intenção é esclarecer a população prudentina sobre os efeitos negativos da reforma. “A reforma é prejudicial à classe trabalhadora. Não podemos aprovar essas mudanças, nocivas à população. Estamos aqui para recolher assinaturas e tentar barrar essas alterações”, afirmou Sobral. De acordo com ele, a reforma não combate as desigualdades nem acaba com os privilégios, mas retarda a concessão da aposentadoria e reduz o valor dos benefícios. Paulo de Oliveira, 45, presidente local da Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB), afirmou que a reforma praticamente inviabiliza a aposentadoria. “Nas atuais mudanças propostas, o brasileiro vai ser aposentar com quantos anos? Oitenta? Já no fim da vida? Não é justo”, disse. A mobilização continuará durante toda esta semana, no Calçadão da Rua Tenente Nicolau Maffei e nas entradas das universidades de Presidente Prudente. A coleta de assinaturas termina na feira livre da Avenida Manoel Goulart, no próximo sábado (27). Fonte: G1- Presidente Prudente

Participantes do manifesto iniciaram o recolhimento de assinaturas de pessoas que não concordam com as alterações propostas pelo governo federal. Sindicatos de Presidente Prudente iniciaram na manhã desta segunda-feira (22) uma mobilização contra a reforma da Previdência. O objetivo, de acordo com lideranças sindicais locais, é recolher assinaturas para um abaixo-assinado que será entregue ao